Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sam ao Luar

Sam ao Luar

21
Fev22

52 semanas de 2022 - amizades do coração

Mini dissertação sobre o caracter evolutivo da amizade

Sam ao Luar

Estou convencida que o conceito de amizade adquire vários significados e evolui, através de um processo semelhante ao da seleção natural.

Na adolescência acreditamos que criamos amizades para a vida. São o mais importante que temos no mundo, muitas vezes acima de tudo o resto. Trata-se de uma tentativa mórbida de inclusão e aceitação de grupo. Tendemos a agir para enquadramento social, muitas vezes em detrimento do nosso bem-estar. Ou seja, fazemos muitas asneiras... E as amizades desaparecem. Fica nada.

Já na idade adulta (mas ainda dotados de imaturidade) acreditamos que somos independentes, que os amigos são passageiros, que há vários tipos de amigos, cada qual adequado para a respetiva ocasião: o amigo da corrida, o amigo da cerveja e das cartas, o do café, aquele que vai à praia, etc. Mas no fundo, no fundo, aquele amigo que vem quando precisamos, não há. Além disso, temos vergonha de admitir que dele precisamos. E, portanto, passamos este período de adultez imatura, sozinhos, mas acompanhados.

Nesta fase de maturidade (aquela que tem a perfeita noção de que ainda tem muito para aprender) em que me encontro, tenho a clara noção de que algumas amizades que fizemos na adolescência se mantiveram toda a vida em estado latente e que acabam por voltar. Sei que há "amigos" que só ligam mesmo quando é para pedir alguma coisa ou para "jogar e beber cerveja" e está tudo bem também.

Há outros, aqueles que eu mais gosto, que foram feitos numa partida do destino. Entraram assim na minha vida e no meu coração: uns devagarinho, quebrando barreiras, outros de rompante, quase sem pedir permissão. Aqueles que me dão tempo para respirar e que também me tiram o fôlego. Que concordam em discordar. E que me trazem felicidade: me aquecem o coração e a alma. Me dão paz e alento. Sanidade mental e qualidade de vida.

 

Desafio de Escrita - 52 semanas de 2022

Também participam neste desafio: A Introvertida, Ana do Green Ideas, Anita Não se Cansa disto, Bruno no Fumo do seu Cigarro, Carlos Palmito, Cristina Aveiro, Di a Mulher, Fátima Bento, Isabel M Silva, João-Afonso Machado, José da Xã, Maria Araújo, Maria do Abrigo das Letras, Olga Cardoso Pires, Purpurina

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub